De Exú a Oxalá ou de Exú a Jesus.Quem é Demerson D' Álvaro?


Ele que ganhou um destaque inesquecível na Avenida da Sapucaí.

Mais conhecido como Exú, o início de tudo. O ator Demerson D’Alvaro, de 35 anos, que interpretou Exu no desfile da Grande Rio no Carnaval deste ano, se dedica a um projeto social para meninos de periferia.


O ator Demerson D' Álvaro interpretou um dos personagens mais conhecidos e respeitados da nossa cultura de matrizes africanas. (Exú), e ganhou destaque na escola levando a mesma a conquistar o título de campeã do Carnaval de 2022 no Rio de Janeiro do Grupo especial .


A escola Acadêmicos do Grande Rio atravessou a Marquês de Sapucaí com o enredo “Fala, Majeté! Sete Chaves de Exu”. Neste ano, o ator foi içado a uma altura de dez metros e comeu o padê, alimento feito a base de farinha e dendê. Relembre a apresentação:


Desde o desfile, os Demerson D’Alvaro e Exu estiveram entre os termos mais buscados e mencionados na Internet. Essa não é a primeira vez de D’Alvaro como Exu: ele já representou a entidade na comissão de frente da Salgueiro, em 2016. D’Alvaro é filho de uma evangélica e neto de uma umbandista.


Conversei então com o ator e ele nos contou um pouco sobre essa passagem brilhante pela Marquês de Sapucaí.


1 Como foi ganhar o título na escola Acadêmicos do Grande Rio, falando sobre a divindade Exu, e como foi ser reconhecido ganhando como destaque retratando o sr da Comunicação? Ganhar o título com a Grande Rio foi maravilhoso. uma sensação que eu não sei descrever até agora. A ficha não cai. Imagina, uma escola de samba que nunca tinha sido campeão do especial. Ser campeã e tendo tudo esse feedback né? Bom sobre o meu trabalho então pra mim é uma sensação que até a ficha não caiu. E está podendo retratar ali Exu na Comissão de Frente pra mim foi um prazer que com todo o estudo que eu tive né? Desde dia treze de junho de dois mil e vinte já venho lendo muito sobre procurando saber, estudando movimentação e tá conseguindo não só ser campeão, mas tá tendo esse destaque tratando Exu pra mim é caminhos abertos, né? a potência que é Exu, toda essa comunicação e conseguir transmitir tudo que eu estudei é uma coisa que até agora como eu já falei mil vezes a ficha não caiu e eu acho que só vai cair daqui uns dez, quinze anos, não sei.



2 Depois de ter desfilado na escola e ter ganhado p título, oque mudou na sua vida, é verdade que você recebeu um convite da TV Globo para atuar?

Ah mudou muita coisa na minha vida né? bastante coisa mas desde o dia do desfile até hoje vamos dizer que eu não parei né? eu estou sempre na correria, estou aqui, estou ali, todo o meu projeto social, estou estou vendo coisas ainda do Carnaval, da escola, é live, eu estava gravando agora há pouco tempo uma minissérie, né? Uma minissérie não, uma série no caso. Globoplay da fui convidado pelo José Júnior, né? O nome da série é que mudou a história. Fiquei muito feliz, né? De através do Carnaval tá recebendo esse convite pra fazer parte dessa série. Eu não tenho contrato com a Globo não, foi só uma participação, nesse seria pontual, entendeu? Se Deus quiser quem em breve ou mais pra frente vou ter um contratozinho lá com a Globo, mas em por enquanto Ainda não tem contrato não.


3 Você é praticante da religião de matrizes Africana, de qual santo você é, e qual é seu nível hierárquico dentro da religião?

Então, eu não sou da religião do Candomblé, nem da umbanda, não sou não, não sou não. eu respeito muito antes de fazer qualquer personagem, qualquer coisa sobre peço permissão, vejo se eu posso fazer e eu não sei qual é o meu orixá, não sei. quando tem jogo alguma coisa eu peço pra não me falar. Eu vou tentar me manter neutro entende? Mas eu não não sou da religião apesar de estudar muito sobre entender um pouquinho e também ter todo esse r


4 você sofreu ou sofre algum preconceito depois de representar Exú na avenida?

Pô, incrivelmente não. Incrivelmente não. Porque muitas pessoas até me perguntam no Instagram quando me veem na rua. pô, eu acho que quando eu respondi lá, o que Escobar me perguntou na cabine, eu acho que deu pra abraçar tantas pessoas que cultuam e são da religião de matriz africanas, como outras religiões, né? Como eu disse, minha mãe é evangélica. e eu tenho exemplo dentro de casa, né? Da minha família que tem são várias religiões de Jeová, budista, católico, tem de tudo na minha família. Então sempre pontuo isso. Eu estou pela diversidade, né? Todo mundo ter sua fé, todo mundo acreditar no que quiser, mas sempre priorizando, né? O nome que vai chamar eu não sei, mas é Deus, Deus acima de tudo.


5 Como foi desfilar com a talentosa da Paola Oliveira , ela representando um exu feminino mais conhecido como pombogira?

É falar o que, né? Paola é maravilhosa. ela pisa na Sapucaí é quase um furacão passando, né? Foi lindo, foi lindo desfilar com a Grande Rio, foi lindo fazer parte dessa festa, maravilhoso de desfilar junto com Paulo Oliveira que pra mim é a sensação assim que a perna treme, né? O esposo dela, o marido dela é amigo, joga o pelada com ele, né? Diogo Nogueira, parceiro das pelada de quinta-feira então foi foi maravilhoso personagem dela também foi muito legal, a fantasia linda, esplendorosa e deu nisso, né? Grande Rio campeã e aquele furacão chamado Paulo Oliveira, passando na avenida.


Rodrigo Fonseca - Jornal do Axé

Jornalista e assessor de imprensa

MTB 69516/SP



41 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo